Institucional

Discurso de Posse - Gestão 2012-2017

Palavra da Presidente

Viver é um eterno desafio.

Hoje, sem pretensões de falar sobre o passado, sem pretensões de aula de história sobre sindicalismo, ou da vida política brasileira, sem pretensões de argumentar sobre as lutas, datas, épocas que nem sempre nos deixaram boas lembranças ou foram mal interpretadas dentro da própria história mas nos deixaram lições, e, hoje estamos aqui, dando segmento a contínua luta da categoria e digamos com modéstia, de forma vitoriosa.

É a história sindical datada do século dezenove, quando algumas categorias de trabalhadores, deram os primeiros passos, no país.

Chegamos a “Era Getulista”, a repressão atrelou os sindicatos ao Estado. Embora seja com a emoção voltada ao passado histórico a uma grande emoção do momento. Não poderia deixar passar sem lembrar o termo “Pelego”, infelizmente este termo com origem nas mantas que se coloca entre o cavalo e a cela para montar, passou a ser utilizado para classificar os dirigentes sindicais que ficavam amortecendo os choques entre os patrões e o cavalo, que no caso, era a própria classe trabalhadora.

Somos uma nação. Somos um país. Somos seres políticos. Cada um responsável pelo seu destino pela suas conquistas, aceitando a vida, aprendendo a cultivar valores que venham beneficiar o coletivo visando solidariedade. Somos uma categoria que precisa ser mais unida, vocês, jovens lutadores que auxiliam a empresa, a escola, ao hospital, no consultório, na docência, na saúde coletiva, no esporte, na indústria, no marketing, a criança, o idoso, a gestante, a nutriz, ao faminto, aos miseráveis, ou ricos, diferenciados somente pelo pão, feijão ou o filé que vai à mesa. Não somos mais capazes de imaginar o mundo em qualquer segmento sem a “Nutrição”, sem o Nutricionista. Para tanto se faz necessário darmos ás mãos nos solidarizarmos nesta luta de proximidade e lealdade à classe.

É nítido ainda na minha história aqui em Santa Catarina, quando cheguei, ao expor minhas idéias na constituição de um sindicato pareciam palavras ao vento. Muito pouca receptividade encontrei e na solidão de quem chega, na falta de articulação na profissão que tão orgulhosamente trazia comigo, buscava crer cada vez mais no propósito de luta da categoria. Articulava sonhos, tentando por em prática o projeto de criar esse Sindicato. Frente ao paraíso onde “jamais a natureza reuniu tanta beleza”, busquei forças, enfrentando dissabores, dissipando barreiras, fomos acumulando conquistas.

Esta luta é incontida com desenfreada força as sementes foram sendo jogadas, por vezes este cultivo se fazia quase seco tudo parecia árduo, terra seca, árida, usando de força Quixoteana muitas vezes, submergindo mas sem descrenças. Cada vez mais sinto-me fortalecida vendo a minha volta estes rostos jovens cheios de esperança e penso: ”eu já passei por isso” e tenho a certeza que desta união só traçaremos trilhas que continuarão nos levando por um caminho de trabalho cada vez mais reconhecido pelo valor, dinamismo e lealdade que a categoria merece.

Não há mais espaço para um passado de reminiscências. Somos grandes, somos fortes, somos independentes.

Crescemos, estamos na segunda gestão, somos um só, somos todos, somos únicos, nós somos o espelho da categoria, se o sindicato não se mantiver fortalecido todos nós sucumbiremos.

Sempre se faz necessário a presença de todos esta relação precisa ser sempre atualizada e discutida. São de vocês, estas almas jovens, a responsabilidade do planejar, do dividir, do auxiliar e de levar adiante o SINUSC, pois o seu fortalecimento depende do apoio, compromisso e dedicação de vocês, ele é para vocês, ele é de vocês.

Não tenho, nem sei mais o que dizer, somente sei agradecer, agradecer a Deus, agradecer a todos vocês Nutricionistas Sindicalistas que acreditaram que poderíamos fazer a diferença em especial a Gisele, a Janine, a Daniela e a Suzana, "minhas fiéis escudeiras". Ao SAESC que por todo este tempo tem nos apoiado em especial ao seu Presidente Dr. João Paulo, "amigo e conselheiro", e a Karla "eterna secretária". Agradecer a minha família, meus filhos, Manuella e Bruno e de forma muito especial a minha pequena e amada neta Isabel, me apoiaram e também me cobraram. A minha querida irmã, mãe e amiga Madelaine que junto com o Andrade sempre estiveram dispostos a escutar minhas inquietações sobre as injustiças que eu relatava serem praticadas com os trabalhadores da nutrição e que sempre acreditei que só de forma politicamente organizada poderíamos mudar esta infeliz realidade. Aos amigos e a todos que acreditaram nesta luta.

Perdão aos que de mim duvidaram.

E como disse Luiz Inácio Lula da Silva “QUE NINGUEM MAIS OUSE DUVIDAR DA CAPACIDADE DE LUTA DA CLASSE TRABALHADORA”.

Muito obrigado!

Dra. Fátima Fuhro

Presidente


 

Em abril de 2006, um grupo de nutricionistas, sentindo a necessidade de uma entidade que lutasse pela melhoria das condições de trabalho dos profissionais começou a se reunir em prol da fundação do SINUSC (Sindicado dos Nutricionistas no Estado de Santa Catarina).

Foi então criada a Comissão Pró-Sindicato, elaborado manifesto, cronograma de trabalho e o estatuto, documentos necessários para dar início a fundação.

O SAESC (Sindicato dos Administradores no Estado de Santa Catarina) acreditando nessa proposta disponibilizou apoio logístico, possibilitando assim a fundação do SINUSC (Sindicato dos Nutricionistas no Estado de Santa Catarina).

Foram chamadas as principais entidades da categoria já estabelecidas em Santa Catarina, como: ACAN (Associação Catarinense de Nutrição) e o CRN2 (Conselho Regional Nutrição). Em relação ao Conselho Regional, já nesta época começavam as tratativas do desmembramento do Rio Grande do Sul.

A Comissão Pró-Sindicato de acordo com os preceitos legais encaminhou os documentos necessários à fundação do SINUSC (Sindicato dos Nutricionistas no Estado de Santa Catarina). Em 14 de setembro de 2007 a categoria foi convocada por Edital para que em Assembleia deliberassem sobre a fundação do SINUSC (Sindicato dos Nutricionistas no Estado de Santa Catarina), eleição da Diretoria, Valor da Anuidade, Tabela de Honorários e a 1ª Convenção Coletiva para a área de Refeições Coletivas.

A partir de 2007 tivemos inúmeras conquistas:

•  Acordos Coletivos;

•  Tabelas de Honorários;

•  Projeto de Lei para redução da jornada de trabalho;

•  Projeto de Lei para piso salarial;

•  Anulação Judicial da regulação e exigência de jornada de trabalho;

•  Parceria com empresas que promovem Cursos, Eventos e Congressos de interesse da categoria;

•  Descontos em cursos, bibliografias e demais produtos de interesse a atuação profissional;

•  Convênios: Plano de saúde UNIMED / Psicólogos / Agência de Viagem AMPLESTUR / Lojas de Produtos Naturais.

•  Bolsa de Empregos;

•  Assessoria Jurídica;

•  Presidência da Federação Nacional dos Nutricionistas;

•  Presidência do CEAE (Conselho de Alimentação Escolar do Estado-SC);

•  Participação no CONSEA/ESTADUAL (Conselho de Segurança Alimentar);

•  Criação do Site www.sinusc.org.br

•  Contratação de Assessoria de Informática, Contábil e Jurídica;

•  Homologações das Rescisões de Contrato;

•  II Congresso Brasileiro de Alimentação Coletiva e I Congresso Latino Americano de Alimentação Coletiva;

•  Reuniões com a categoria em várias cidades do interior do Estado;

•  Participação em Eventos e Congressos;

•  Reuniões com representações políticas;

•  Reuniões com segmentos e áreas afins da nutrição;

•  Reuniões com Universidades;

•  Palestras para acadêmicos calouros e formandos do curso de nutrição;

•  Eleições 2º mandato;

•  Cursos de Formação Sindical para os Dirigentes Sindicais;

•  Disponibilizamos a participação dos colegas em reuniões semanais;

•  Café com Conversa semanalmente com a Categoria.

Não há artigos nesta categoria. Se há subcategorias mostradas nesta página, elas podem conter artigos.